quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

SÃO BENTO DO UNA : UMA CIDADE DE VALES RIOS E DA TRADICIONAL CORRIDA DAS GALINHAS

FOTO TIRADA POR FRANCISCO MONTEIRO EM SÃO BENTO DO UNA PERNAMBUCO BRASIL


Muitos quando pensam sobre nordeste brasileiro, há imagem em suas mentes é de uma terra seca, improdutiva e sem cultua. Mas, na verdade não é assim. O nordeste é uma região produtora e consumidora de muitos produtos agrícolas, e é chamada por muitas vezes de o celeiro cultural ou berço cultural do Brasil. 


FOTO TIRADA POR FRANCISCO MONTEIRO EM SÃO BENTO DO UNA PERNAMBUCO BRASIL


Nas capitais nordestinas estão as cidades com as mais belas praias do Brasil e do mundo. No nordeste estão as principais áreas de cultivo de grãos, criação de animais e produção tecnológicas e muitos artistas consagrados no Brasil são nordestinos. Na mente de muitos o nordeste é visto como uma terra seca devido apenas uma linha de pensamento e de informação compartilhada, tanto pela mídia como também por pessoas desconhecedoras de nossa realidade em totalidade. Se pensa que em todo  o nordeste é quente,e que o nordeste tem apenas litoral e sertão. isso  não é bem verdade. O nordeste brasileiro é composto por varias regiões, que compõem uma grande região, que abriga vários aspectos diferentes geograficamente e culturalmente. 



FOTO TIRADA POR FRANCISCO MONTEIRO EM SÃO BENTO DO UNA PERNAMBUCO BRASIL 

Nas capitais que geralmente estão no litoral, o clima é quente. Mas, também ameno. Por estarem localizadas na região da mata atlântica e devido os ventos vindos de oceano, o clima é extremamente agradável. Na região da região da mata atlântica, o clima é quente mas, com variações de chuvas contantes durante todo o ano, e com estações bem definidas ou de chuva ou de sol. Os verões são quentes mas contendo chuvas passageiras que amenizam o clima e com ventos vindos do litoral.  Tanto que em cidades da região metropolitana sul e norte podem esta tendo fenômenos climáticos diferentes no mesmo dia. Cidades como por exemplo Recife e Jaboatão dos Guararapes em Pernambuco, podem na mesma hora estarem tendo uma diferença térmicas e climáticas, mesmo estando uma do lado da outra. Muitas vezes em Jaboatão, que esta mais ao sul esta chovendo, em quanto em Recife esta com o céu aberto, com poucas nuvens e com sol. Muitas vezes quando as pessoas saem de Jaboatão dos Guararapes para o Centro do Recife, em uma cidade esta tendo chuva e quando chegam em Recife, o clima esta quente e muito ventilado. Por casa do litoral. Já no interior. As variações climáticas também são muito diferentes do litoral e é constante e inevitável as comparações das cidades devido o clima e relevos. 

FOTO TIRADA POR FRANCISCO MONTEIRO EM SÃO BENTO DO UNA PERNAMBUCO BRASIL 

Em Gravatá que fica no agreste Pernambucano, a temperatura e clima estão entre os melhores do 
mundo segundo a OMS. já em Garanhuns, que fica a 229 quilômetros da capital Recife, o clima é considerado muito frio, para os moradores da capital. Garanhos e Gravatá são cidades com aspecto de cidades europeias. E chegam a serem comparadas, a Suíças de Pernambucanas.  Com seus chalés, serras, casarios coloniais, jardins , moinhos o frio que pode chegar há menos 14 graus Celsius, seus chocolates, vinhos, moveis rústicos de madeira, suas criações de cavalos, os festivais de Jazz e uma vida tipicamente interiorana, elas mostram que o nordeste tem mais, do que é mostrado pela imprensa, ou é contado no imaginário popular. E uma outra cidade conhecida pelo frio , por suas tradições, ótimos pontos turísticos e um evento que já esta no calendário cultural do estado de Pernambuco é São Bento do Una. Que está localizada a 210 quilômetros da capital Recife, no agreste pernambucano. 

FOTO TIRADA POR FRANCISCO MONTEIRO EM SÃO BENTO DO UNA PERNAMBUCO BRASIL

São bento do Una é uma das principais cidades  do  agreste. E sua economia esta basicamente ligada a criadores de aves e ovos. Tanto, que seu principal meio de produção agrícola, para importação e exportação para outras cidades e estados são galinhas, Galinhas de Angola e ovos. Também tem um sítio arqueológico, que possui uma replica de Megatério ( preguiça gigante pré-histórica que viveu no período Plioceno até o Pleistoceno na América do Sul  ) e devido as galinhas cerem as principais fontes econômicas da cidade, não seria de se surpreender que o animal seja o anfitrião da cidade. Tanto que um dos eventos culturais extremamente engraçados e que leva o nome de São Bento do Una para o mundo seja a corrida das galinhas.

Penelas no agreste tem a corrida de Jericos que mostramos anteriormente em uma de nossas matérias aqui no blog, já em Amaraji na zona da mata de Pernambuco, temos a corrida de carros de mão, em Bezerros temos os Papangus e em São Bento do Una temos a corrida das galinhas. 
FOTO TIRADA POR FRANCISCO MONTEIRO EM SÃO BENTO DO UNA PERNAMBUCO BRASIL